Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

CP e Renfe querem reduzir 5 horas na viagem de comboio entre Lisboa e Madrid

  • 333

O tempo da ligação ferroviária entre as duas capitais ibéricas vai diminuir para metade. Os presidentes da CP, Manuel Queiró, e da Renfe, Pablo Vázquez Vega, assumiram este compromisso em Lisboa, na sexta-feira passada. Este projeto deverá ser concretizado com urgência

A CP e a Renfe “iniciaram um projeto conjunto que reduz para cerca de metade o atual tempo de viagem da ligação ferroviária entre Lisboa e Madrid que, assim, passará a ser de menos de cinco horas, contra as atuais 10 horas e15 minutos”, revelaram sexta-feira ao Expresso os presidentes das duas empresas, respetivamente, Manuel Queiró e Pablo Vásquez Vega.

Reunidos em Lisboa no âmbito do encontro anual dos presidentes das empresas ferroviárias europeias, os responsáveis da CP e da Renfe comprometeram-se a realizar todas as formalidades necessárias à concretização deste projeto no prazo mais curto - eliminando constrangimentos ainda existentes nas linhas portuguesa e espanhola.

A CP e a Renfe vão apressar a nova ligação de comboio entre Lisboa e Madrid, o que implica a eletrificação do troço entre Salamanca e Fuentes de Oñoro e obras na linha da Beira Alta.

A ligação atual que parte de Lisboa às 21h25 e chega a Madrid às 8h40 da manhã seguinte - com preços promocionais de 24,20 euros em lugar sentado e 33,60 euros em cama - “tem de ser mais rápida e mais competitiva, e é isso que as duas empresas querem fazer, o mais depressa possível”, comentou o presidente da CP, Manuel Queiró.

Face à viagem de avião, a CP refere que o comboio tem a vantagem de não exigir uma hora de antecedência ao passageiro, e não implicar demoras no acesso do aeroporto ao centro da cidade.