Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Gregos são os que trabalham mais horas na Europa, alemães no polo oposto

  • 333

Mural numa das ruas de Atenas

SIMELA PANTZARTZI / EPA

Estudo é da OCDE. Dados analisam o número de horas totais, não a produtividade

Quais são os países onde trabalham mais horas?  A OCDE publicou esta quinta-feira a sua base de dados de 2014 e permite concluir que o México lidera a tabela dos mais trabalhadores (2228 horas anuais). Portugal está no 12º lugar  (1857 horas) entre 40 países industrializados, à frente da Espanha (1689 horas) e com larga distância para a Alemanha (1371).

Na Europa, o país que dedica mais horas ao trabalho é a Grécia (4º lugar). A diferença para a Alemanha, o país que fecha a tabela da OCDE, é de 671 horas.

A OCDE adverte que as comparações entre países podem estar enviezadas porque os cálculos baseiam-se no total das horas trabalhadas, tendo em conta o número médio de empregados. Os resultados de países como Holanda ou Alemanha, com níveis elevados de emprego a tempo parcial, ficam distorcidos

Apesar das ressalvas, a estatística evidenciam que o número de horas trabalhadas por funcionário na Alemanha reduziram-se nos últimos anos, o mesmo não se verificanco na generalidade dos países do sul da Europa.

O clube dos cinco

Na lista da OCDE, a seguir ao México surgem a Costa Rica (2.216 horas) e Coreia do Sul (2163 horas).

A Grécia, o país europeu com maior taxa de desemprego (26%),  é o primeiro europeu da tabela. Letónia, Polónia, Estónia e Hungria, todos eles com menos de 2000 horas de trabalho, surgem antes de Portugal.

No outro extremo surgem os países ricos do norte da Europa. Além da Dinamarca, Noruega, Holanda e Alemanha, a França também pertence ao clube dos cinco países que trabalham menos de 1500 hora por ano.