Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Problemas informáticos afetaram aviões e bolsa nos EUA

  • 333

Bolsa de NY reabriu às 20h10 de Lisboa.Esteve parada 3 horas e 40 minutos devido a problemas informáticos. Situação semelhante atingiu a companhia aérea United que registou atrasos nos voos. Departamento de Estado dos EUA diz que não há indícios de ataque informático

A bolsa de Nova Iorque suspendeu a negociação às 11h30 locais [16h30 de Lisboa], devido a problemas no sistema informático. As operações só foram retomadas 3h40 mais tarde, às 15h10 locais [20h10 em Lisboa].

Terça-feira, 8 e julho, foi um dia difícil para as bolsas internacionais. Para além das perdas registas nos mercados asiáticos, com particular destaque para a bolsa de Pequim, as praças geridas pela Intercontinental Exchange do grupo NYSE, incluindo a de Nova Iorque, estiveram suspensas durante várias horas devido a problemas técnicos. 

A NYSE tinha informado em comunicado que estava a tentar tudo para assegurar uma rápida reabertura das várias bolsas afetadas, e as condições necessárias para  "garantir que o mercado reabra de forma ordenada. 

A companhia aérea United Airlines também registou vários problemas informáticos esta quarta-feira; em consequência disso os voos registam atrasos médios de duas horas. De acordo com o Departamento de Segurança Interna dos EUA, não há indícios que os problemas informáticos na NYSE e na United Airlines resultem de uma tentativa de ataque informático.

[notícia atualizada às 20h25]