Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

TAP: Plano de cortes proíbe dinheiro para 
o Brasil

  • 333

Redução do custo das horas extraordinárias e a supressão de 5 a 10% das rotas são medidas que a TAP também vai aplicar.

O plano que a TAP apresentou ao Governo no início desta semana, com vista a reduzir custos e aumentar a receita deste ano — depois de a greve dos pilotos ter agravado a situação de tesouraria da companhia — contempla, tal como o Expresso tinha avançado há uma semana, um ajustamento no custo das horas extraordinárias. A redução da remuneração do trabalho suplementar dos trabalhadores da companhia é assim uma das medidas que a TAP vai aplicar para que a empresa aguente até à injeção de capital prevista com a privatização. Também a redução do subsídio de refeição chegou a ser discutida no plano, mas não avançou.

Leia mais  edição deste fim de semana