Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Altice inaugura call center no Minho e entra na PT a 2 de junho

  • 333

Localização do "call center" está relacionada com o facto de um dos acionistas da Altice, o português Armando Pereira, ser natural da região. Saída dos administradores da PT está em negociação.

É uma semana de grande agitação para a Altice e a PT Portugal. Os franceses que compraram a PT à Oi inauguram esta segunda-feira um "call center" em Vieira do Minho, evento que contará com a presença do ministro da Economia, António Pires de Lima, que tem manifestado apoio aos novos acionistas do operador histórico. 

O "call center", a instalar no primeiro piso da central de camionagem de Vieira do Minho, deverá arrancar com 50 pessoas,  E numa primeira fase deverá ter entre 120 a 150 pessoas a trabalhar. A escolha da localização do "call center" está relacionada com o facto de um dos acionistas da Altice, o português Armando Pereira, ser natural de Guilhofrei, freguesia de Vieira do Minho. 

A Altice prevê pagar a PT Portugal à Oi a 2 de junho, dia em que os franceses deverão tomar conta da empresa. Contactada pelo Expresso, a Altice não confirma a data. O negócio foi avaliado em 7,4 mil milhões de euros, mas a Altice, para já, só irá pagar aos brasileiros 5,6 mil milhões de euros - o resto será pago de forma diferida, e poderá dar lugar a desconto.

Alguns responsáveis da Oi, avança o "Jornal de Negócios", chegaram esta segunda-feira a Lisboa para negociar as saídas dos administradores da PT Portugal, onde estão quadros como Manuel Rosa da Silva e Carlos Alves. As rescisões dos administradores serão pagas através dos 1,3 mil milhões de euros fixados no contrato de compra da Altice, e que serão descontados nos 7,4 mil milhões de euros. 

Desconhece-se ainda quem será o novo presidente da PT. O processo ainda não está fechado e há mais do que um nome a circular. Pedro Leitão, administrador da PT Portugal, foi apontado como favorito, mas aparentemente não terá chegado a acordo com a Altice. E tudo indica que os administradores da PT Portugal deverão ser todos substituídos. A Altice tem mantido o silêncio sobre o assunto.