Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Pedro S. Guerreiro: "Foi o BdP que depôs o poder do BES - mas devia tê-lo feito seis meses antes"

  • 333

"Hoje é fácil falar, mas até há muito pouco tempo, antes de o BES e Ricardo Salgado caírem, ninguém os punha em causa", diz Pedro Santos Guerreiro, que analisa como o Banco de Portugal sai da comissão parlamentar ao caso Espírito Santo. "O governo fez tudo para não se comprometer" e foi mesmo "o Banco de Portugal que conseguiu depor" aquele poder. Mas devia tê-lo feito pelo menos seis meses antes. E faltam ainda condenações.