Siga-nos

Perfil

Expresso

Vulcão pára aviões

Nuvem de cinzas continua a norte do espaço aéreo português

O Instituto de Meteorologia não prevê que a nuvem de cinzas vulcânicas atinja as regiões de Informação de Voo (FIR) da responsabilidade de Portugal. Clique para visitar o dossiê Vulcão Pára Aviões

A nuvem de cinzas vulcânicas continua a localizar-se a norte do espaço aéreo português, mas não se prevê que atinja as regiões de Informação de Voo (FIR) da responsabilidade de Portugal, segundo o Instituto de Meteorologia.

Clique para aceder ao índice do DOSSIÊ VULCÃO PÁRA AVIÕES

Desde o passado dia 21 de março que se tem registado actividade no vulcão Eyjafjallajökull, na Islândia, estando neste momento "a pluma de cinzas em altitude a afetar a rota de alguns aviões, provocando problemas em muitos aeroportos", refere o Instituto de Meteorologia (IM) no site oficial.

Citando a última informação recebida do Centro Consultivo de Cinzas Vulcânicas (VAAC) de Londres, o IM refere que a nuvem cinzas vulcânicas continua a localizar-se a norte do espaço aéreo Português.

*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***

Clique para ler a Nota da Direcção do Expresso sobre o novo Acordo Ortográfico.