Siga-nos

Perfil

Expresso

Vulcão pára aviões

Maioria dos aeroportos europeus reabertos

A maioria dos aeroportos europeus foi hoje reaberta, mas a TAP pede calma e alerta que regularização será "morosa".Clique para visitar o dossiê Vulcão Pára Aviões

A maioria dos aeroportos do espaço aéreo europeu foi hoje reaberta, prevendo-se que a regularização da circulação seja "morosa", segundo um porta-voz da TAP, que apelou para a "calma e compreensão" dos passageiros. 

Clique para aceder ao índice do DOSSIÊ VULCÃO PÁRA AVIÕES  "Desde o início da manhã que é possível operar para a maioria dos países da Europa, exceto para a Alemanha e norte de Itália, que estão ainda com restrições", adiantou à Lusa André Serpa Soares, da Direcção de Comunicação da TAP, sublinhando que os passageiros da transportadora nacional que tenham como destino as cidades europeias poderão começar a dirigir-se para os aeroportos.   Ainda assim, André Serpa Soares alertou para o facto de a regularização da circulação ser "necessariamente morosa", como resultado do cancelamento de milhares de voos europeus, desde sexta feira passada, altura em que foi encerrado o espaço aéreo de vários países devido à nuvem de cinzas vulcânicas emanadas de um vulcão em atividade na Islândia.    "Não será possível os passageiros voarem todos aos mesmo tempo", sublinhou, explicando que as descolagens estão dependentes das "necessárias autorizações".

Regularização será "morosa" 

"Iremos ter um grande fluxo de gente a dirigir-se para os aeroportos. Apelamos, por isso, à calma, compreensão e tranquilidade, que serão fundamentais", disse ainda André Serpa Soares, assegurando que a TAP "fará todos os voos extras que forem permitidos" para que a situação seja regularizada "o mais rapidamente possível".  Em declarações à Lusa, o mesmo porta-voz adiantou que até ao final de domingo, foram cancelados 233 voos da TAP, situação que afetou um total de 45 mil passageiros.    A este número poderão ainda adicionar-se os"dados preliminares" relativos a segunda feira, que apontam para o cancelamento de 54 voos da TAP, o que significa que cerca de 11 mil pessoas ficaram em terra.       *** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***

Clique para ler a Nota da Direcção do Expresso sobre o novo Acordo Ortográfico.