Siga-nos

Perfil

Expresso

Portugal 2009

PS gastou nas europeias muito mais do que previa

Custo da campanha socialista derrapou 80% em relação ao orçamento. No PSD a despesa ficou um quarto abaixo do previsto.

Filipe Santos Costa (www.expresso.pt)

A campanha eleitoral dos cinco maiores partidos para as eleições europeias, em Junho, custou um total de quase 7 milhões de euros. Um valor acima do previsto, em boa medida por causa das despesas do PS.

A campanha dos socialistas tinha um orçamento de 1,5 milhões de euros, mas afinal custou 2,764 milhões - uma derrapagem de 1,2 milhões, ou seja, cerca de 80% a mais do que o PS tinha previsto no orçamento que entregou à Entidade das Contas antes da campanha.

A propaganda do PS acabou por ser a mais cara das europeias, bastante acima do PSD, que gastou 1,6 milhões (previa 2,2 milhões). Ou seja, a despesa dos social-democratas ficou 24% abaixo do previsto.

O Bloco de Esquerda foi o outro partido que ultrapassou o seu próprio orçamento, de acordo com os dados divulgados hoje na página electrónica da Entidade das Contas dos Partidos. A campanha do BE ultrapassou 1 milhão de euros, quando a previsão era de 725 mil.

Ao invés, o CDS, que já tinha o orçamento mais poupado, ainda gastou menos 30 mil euros do que planeava.

Também a despesa da CDU ficou abaixo do previsto: com uma estimativa de 1,2 milhõres de euros, comunistas e verdes gastaram menos 180 mil.