Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Vai um brinde à nova lei?

  • 333

Cedo demais. A cultura do álcool em Santos continua a fazer-se mais tarde. Antes disso, estivemos no Arco do Cego, também em Lisboa

Na mesma semana, o Governo fez saber que quer apertar a lei do tabaco e impedir o consumo de álcool por menores de 18 anos. O Expresso esteve em dois dos principais locais escolhidos pelos jovens para o consumo de álcool em Lisboa. Retratos de uma noite na zona de Santos e de um fim de tarde no Arco do Cego, onde quase ninguém queria ouvir falar no assunto.

João Miguel Salvador (texto) e Nuno Botelho (fotos)

Cai a noite e Santos está praticamente vazia. Entre casais adultos que escolhem aquela zona para jantar e os seguranças e empregados de bar que esperam horas até que os jovens clientes apareçam, poucos são os que saem de casa tão cedo para os estabelecimentos de diversão noturna. É aqui que os mais novos se juntam. "A partir dos 13 anos, já se vê malta por aí, mas é mais a partir de sexta". É o dia errado, a quinta-feira é dia de noite universitária. Os alunos do ensino secundário, aqueles que preocupam a Organização Mundial de Saúde, estarão por casa. Hoje ainda há aulas.

 

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI