Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Salgado debaixo de fogo por gestão ruinosa e desvio de dinheiro

  • 333

Espírito Santo. Salgado no Parlamento a 9 de dezembro. Amanhã há novo round na comissão de inquérito

Luís Barra

Ricardo Salgado vai à Assembleia da República debaixo de duras acusações: gestão ruinosa, falsificação de contas, desvio de dinheiro do BES Angola, informalidade na concessão de crédito à administradores. Desta vez, o ex-banqueiro terá mais dificuldade em defender-se. Há acusações graves e alegados crimes nas duas partes já conhecidas da auditoria da Deloitte ao BES e ao GES. Salgado terá de esclarecer contradições em que foi apanhado.

Anabela Campos e Isabel Vicente

Ricardo Salgado, ex-presidente do BES e o rosto do grupo da família Espírito Santo, vai sentar-se de novo amanhã na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) ao caso BES/GES, desta vez sob fortes indícios de atos de gestão danosa e infrações especialmente graves, apontados pela auditoria forense, encomendada pelo Banco de Portugal, à Deloitte, em junho. Crimes punidos  com uma pena de prisão até cinco anos, e nos casos das contraordenações com multas que poderão chegar aos cino milhões de euros. 

 

Para conrtinuar a ler o artigo, clique AQUI