Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Quando o povo disparou a arma do voto

  • 333

Enchentes. Os portugueses acorreram em massa às eleições de 1975, como se vê nesta enorme fila para votar, na Cidade Universitária, em Lisboa

Arquivo A Capital IP

Há 40 anos, os portugueses viveram pela primeira vez a experiência de umas eleições livres e universais. Foi a escolha dos deputados que iriam elaborar a primeira Constituição da democracia. Memória de tempos de grande efervescência política.

A 25 de abril de 1975, precisamente um ano depois da Revolução dos Cravos, que pôs fim a quase meio século de ditadura, os portugueses tiveram pela primeira vez na sua História umas eleições livres e universais. Todos os portugueses: homens e mulheres, com mais de 18 anos, independentemente do grau de escolaridade ou da condição socioeconómica e familiar, na posse dos seus direitos cívicos, puderam finalmente exercer o direito de voto.   Para continuar a ler o artigo, clique AQUI