Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Onde: Brasil. Quando: 1964-1985. Quem: ditadura militar. Como: tortura. Porquê: aniquilar a oposição

Verdade. Dilma Roussef, Presidente do Brasil, chorou, esta semana, ao receber o relatório sobre a tortura durante a ditadura militar

Lusa

O relatório da Comissão Nacional para a Verdade é um murro no estômago. Mostra um Brasil vergado sob a ditadura militar, com a espinha partida pela tortura e ainda despreparado para reagir à exposição da perseguição sistemática de quem enfrentou o regime.

Criada em Novembro de 2011, a Comissão Nacional para a Verdade (CNV) começou a trabalhar em Maio de 2012. Ao fim de dois anos e meio e da investigação de mais de 16 milhões de páginas de documentos, os sete membros e 14 assessores entregaram esta semana à Presidente Dilma Roussef um relatório com mais de 4300 páginas. Ela chorou em público, mas quem se confrontar com o documento também não ficará incólume.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI