Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

"Não vamos à procura de uma vida melhor. Vamos à procura de vida. Atrás de nós só há morte"

Esperança. Ahmed arriscou a vida para sobreviver. Nos momentos difíceis, agarrou-se à ideia que tinha da Europa

A guerra na Somália fez Ahmed Abdalla deixar tudo. Atravessou África, chegou à costa da Líbia, meteu-se num barco para atravessar o Mediterrâneo e chegar à Europa. Está em Portugal desde 2009. Agora conta ao Expresso essa odisseia, um relato na primeira pessoa

Carolina Reis (texto) António Pedro Ferreira (fotos)

No meio da confusão, choro de crianças e gritos, não consegui perceber imediatamente se a minha família tinha sobrevivido à bomba que nos destruira a casa. Pela maneira como a minha mulher segurava os nossos três filhos não dava para distinguir se o mais novo, o único rapaz, na altura com seis meses, tinha sobrevivido. A princípio pareceu-me que não, mas afinal tinha. Foi sorte, tinham-se atrasado no mercado.

 

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI