Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Dois milhões na rua contra a corrupção no Brasil

  • 333

Brasil pelo Brasil. Um ex-paraquedista em Copacabana, Rio de Janeiro, agita uma bandeira do país de onde quer expulsar a corrupção

Ricardo Morais/Reuters

Ao pé das manifestações contra Dilma Rousseff, as dos seus apoiantes pareceram tímidas. Os brasileiros levantaram-se contra a crise, os privilégios e a corrupção logo no início do segundo mandato da Presidente.

Cristina Peres

Cristina Peres

Jornalista de Internacional

A maior manifestação desde Diretas-Já (movimento que, em 1984, exigiu eleições presidenciais diretas no Brasil) levou mais de dois milhões de pessoas às ruas das principais cidades em todos os estados do Brasil, contra a Presidente Dilma Rousseff, contra a corrupção e contra a crise económica. Só em São Paulo, onde se esperavam uns cem mil manifestantes, a Avenida Paulista foi fechada ao início da tarde por um milhão de pessoas, segundo dados da polícia militar.

 

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI