Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Como é que o PS vai pagar as propostas?

  • 333

Grupo. Os economistas liderados por Mário Centeno que apresentaram hoje no Largo do Rato o documento com o cenário macro e propostas

Lista de medidas está cheia de boas notícias: descida de impostos, reposição de salários e aumento de apoios. Fim da baixa do IRC e imposto sucessório são as más. O resto é pago pelo PIB e a TSU dos trabalhadores é para passar à margem do défice, se Bruxelas deixar. 

João Silvestre (texto) Marcos Borga (foto)

O cenário traçado pela equipa de economistas do PS consegue fazer um 2-em-1: apresenta um caminho alternativo ao apresentado pelo governo no Programa de Estabilidade e Crescimento (PEC) e assegura o respeito pelas regras orçamentais europeias e a sustentabilidade da dívida. É esta a principal mensagem de Mário Centeno, o coordenador do grupo que elaborou a proposta socialista, ainda antes de se entrar nos detalhes das contas. E, já se sabe, o diabo está sempre nos detalhes. 

 

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI