Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Trump quer mais, muito mais e não deverá parar de pedir dinheiro à UE

António Costa junto a Donald Trump na Cimeira da NATO em Bruxelas

Foto Kevin Lamarque/REUTERS

Há um ano pedia 3%, agora exige que os europeus passem a investir 4% do PIB em defesa. Mas o compromisso mantém-se mais baixo

É a arte da diplomacia em frente às câmaras e jornalistas. Angela Merkel e Donald Trump, sentados lado a lado — ainda que com um metro de distância entre ambos — tentam mostrar que a reunião bilateral que tiveram à margem da cimeira correu bem.

Ela, de perna cruzada, quase chega a esboçar sorrisos. Enquanto ele fala de uma "excelente relação" com a Alemanha. "Tremendous relantionship", disse em inglês. E isto, depois de começar o dia a acusar o país de Merkel de ser refém da Rússia, por causa do fornecimento de energia.


Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)