Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Compras ‘tax free’ dos chineses disparam em Portugal enquanto as dos angolanos caem

Portugal é o segundo país da Europa, a seguir a França, a ter tax free eletrónico

getty

Gasto médio dos chineses atinge €718 por compra, tipicamente roupa de marca, relógios ou joias. Portugal vai adotar a 1 de julho o ‘tax free’ eletrónico, na mira de incentivar as compras dos turistas não europeus

Os voos diretos da China para Portugal estão a ter um impacto direto nas lojas de artigos de luxo. As compras efetuadas por chineses dispararam 28% entre janeiro e abril face ao período homólogo, tendo sido os turistas que evidenciaram os gastos mais elevados, em média €719 por compra, segundo dados da Global Blue, a gestora das operações que envolvem o reembolso do IVA a cidadãos extracomunitários, aos quais se aplica o regime tax free.

“Os chineses gastam 60% do seu orçamento de viagens em compras, enquanto os americanos só gastam 15%. Em termos simplistas, é preciso ter quatro vezes mais americanos que chineses para obter o mesmo volume de gastos em compras”, faz notar Jacques Stern, presidente da Global Blue.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)