Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Investidores “reclamam” à China mais 5% na OPA sobre a EDP

Luis Barra

Valorização bolsista das ações da EDP deverá obrigar a China Three Gorges a abrir os cordões à bolsa. Analistas financeiros consideram que a oferta chinesa só poderá ser bem sucedida se a contrapartida for revista em alta

Miguel Prado

Miguel Prado

Jornalista

A oferta pública de aquisição (OPA) que a China Three Gorges (CTG) lançou sobre a EDP dificilmente terá sucesso com a contrapartida anunciada de 3,26 euros por ação. A maior parte dos bancos de investimento rapidamente qualificou a oferta como demasiado baixa e a verdade é que a negociação das ações da EDP em bolsa reflete isso mesmo.

Os títulos da EDP fecharam a sessão desta terça-feira a valer 3,44 euros. Ou seja, mais 18 cêntimos do que a oferta que a CTG pôs em cima da mesa na passada sexta-feira. Uma valorização que deixa uma mensagem implícita: os investidores acreditam que a EDP vale pelo menos mais 5,5% do que aquilo que a empresa chinesa propôs pagar.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)