Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

A linha ténue entre o cinismo e a sinceridade, o amor e o veneno: Benjamim, o músico, faz a crítica ao concerto de Dylan, o profeta

Não foi permitido tirar fotografias no concerto de Dylan em Lisboa, motivo pelo qual utilizamos uma imagem de arquivo

getty

“O concerto até pode ter arrancado de forma bastante atabalhoada, quase como se estivéssemos a assistir ao descarrilar de uma gigante locomotiva a vapor em câmara lenta, mesmo diante dos nossos olhos. A banda entrou num tom, o piano de Dylan entrou noutro bastante diferente. Entre cada música havia um músico a tocar para seu lado, numa espécie de cacofonia mágica permanente. A banda, magnífica, permanecia tranquila naquele número incendiário entre cada música – mais cacofonia.” Bob Dylan tocou esta quinta-feira em Lisboa e pedimos a Benjamim, músico que você deve ouvir se ainda não o fez, para fazer a crítica. E Benjamim escreveu-nos um grande texto

Texto de Benjamim (músico)

Para ler o artigo de Benjamim na íntegra, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)