Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Trump faz discurso nunca visto na ONU

getty

Nunca um presidente americano tinha ido às Nações Unidas proclamar a sua vontade de destruir um outro país, no caso a Coreia do Norte

Era a primeira vez que Donald Trump discursava na Assembleia-Geral da ONU e nos círculos diplomáticos especulava-se sobre o tipo de linguagem que o presidente norte-americano iria usar, já que iria falar numa organização internacional cuja finalidade primeira é resolver, através da negociação, conflitos entre Estados.

Por muito baixas que fossem as expectativas, o resultado excedeu-as. Trump usou linguagem nada consentânea com os códigos diplomáticos, referindo-se ao ditador norte-coreano Kim Jong-un como “o homem foguete empenhado numa missão suicida”. Foi ainda mais longe ao proclamar em plena Assembleia Geral das Nações Unidas que, caso os EUA fossem atacados, responderiam destruindo a Coreia do Norte. Quaisquer pontes que nos bastidores estivessem a ser feitas para retomar negociações com Pyongyang ficaram impraticáveis nesse preciso momento.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)