Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Esta quarta-feira há peixinhos da horta. Ou será tempura?

getty

A maior conferência de sempre de Estudos sobre o Japão começa esta quarta-feira em Lisboa e bate todos os recordes de participação das 14 edições anteriores. Vêm cerca de 500 participantes do império do sol nascente, que vão finalmente provar os nossos peixinhos da horta − o prato que deu origem à tempura japonesa

Quase cinco séculos depois de os portugueses serem os primeiros ocidentais a pisar solo japonês, o site da BBC publicou um artigo intitulado “A verdade sobre a tempura japonesa”, que fez sucesso nas redes sociais. O texto foi publicado a 10 de agosto, vinte dias antes de Lisboa acolher a maior conferência de sempre sobre Estudos Japoneses, que termina no próximo sábado. Do Japão vêm quase 500 dos 1225 académicos inscritos. Mas o número de pessoas que está na capital portuguesa é maior, já que muitos académicos viajam acompanhados.

Na conferência deste ano, há a destacar a participação feminina: “Há um grande número de mulheres inscritas para apresentar comunicações”, diz ao Expresso a investigadora Alexandra Curvelo, do CHAM − Centro de Humanidades: “E essas mulheres trazem filhos pequenos porque quando se inscreveram pediram serviços de baby-sitting”, acrescenta esta docente da Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Nova de Lisboa, que teve a ideia de apresentar a candidatura de Lisboa para palco da 15ª Conferência de Estudos Japoneses da mais importante associação académica sobre este tema.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)