Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Desapareceram 650 deputados esta quarta-feira

A rainha discursa na abertura da sessão legislativa de 2016. Este ano vai ser preciso esperar por junho para assistir à cerimónia

getty

A dissolução da Câmara dos Comuns marca o início da campanha oficial para as legislativas antecipadas de 8 de junho

Maio vai jovem e este ano a tradição parlamentar quebra-se em Westminster. Não haverá este mês, como de costume, abertura solene da sessão legislativa, até porque, desde as 15 horas desta quarta-feira, não há sequer deputados. A Câmara dos Comuns foi dissolvida, devido às legislativas antecipadas que a primeira-ministra decidiu convocar. Theresa May esteve esta quarta-feira no Palácio de Buckingham para a Rainha Isabel II formalizar a dissolução, dando início à campanha eleitoral. Curiosamente ela arranca no dia em que termina outra, para as eleições locais, a disputar esta quinta-feira(ver último parágrafo deste texto).

A cerimónia parlamentar — com a soberana a discursar, os comuns e os lordes reunidos na câmara alta e tradições divertidas como os Comuns fecharem a porta na cara do emissário da Rainha que os vem convocar para a festa, abrindo-a apenas depois de este bater nela três vezes com um bastão — foi adiada para 19 de junho. Será, pois, 11 dias após as eleições, dado que a formação de Governo no Reino Unido costuma ser mais rápida do que, por exemplo, em Portugal. O ano corrente, com as sondagens a augurar vitória para o Partido Conservador com reforço da maioria absoluta, não deve ser exceção.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)