Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Caixotes viajantes do Parlamento Europeu

Carlos Coelho (PSD) rodeado de 'cantinas'

Ezequiel Scagnetti

Na altura em que a União Europeia celebra 60 anos, reproduzimos a reportagem publicada na Revista do Expresso de 24 de março de 2007 sobre o facto de uma vez por mês o Parlamento Europeu mudar-se de Bruxelas para Estrasburgo, a 430 quilómetros. Uma operação que implica o transporte de mais de três mil caixas com a documentação dos 785 eurodeputados. Uma semana depois, os oito camiões regressam à capital belga com as mais de 200 toneladas de material

Daniel do Rosário correspondente em Bruxelas (texto), Ezequiel Scagnetti (foto) Ana Serra (infografia)

Fim da tarde de sexta-feira. Em Bruxelas, os corredores e gabinetes do Parlamento Europeu (PE) estão praticamente desertos. O contraste com a habitual confusão e burburinho poliglota que caracteriza o resto da semana não podia ser maior. A maior parte dos 785 eurodeputados regressou ao respetivo país na véspera, contando-se pelos dedos os funcionários e assistentes que ainda deambulam pelo faraónico edifício da Rua Wiertz.

A máquina parlamentar já desligou baterias, recomeçando a funcionar na segunda-feira seguinte, para a sessão plenária mensal, na cidade francesa de Estrasburgo, a 430 quilómetros de distância.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)