Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

O presidente polaco que os polacos não querem

reuters

Maioria dos líderes europeus quer que o polaco Donald Tusk continue à frente do Conselho Europeu. Mas a Polónia está irritada com a situação e tentará travar a reeleição

A primeira-ministra polaca não se conforma com a possibilidade de Donald Tusk continuar a ser presidente do Conselho Europeu por mais dois anos e meio. Beata Szydło escreveu aos 27 chefes de Estado e de Governo a explicar-lhes porque considera que o antigo governante polaco é uma má escolha, acusando-o de usar o cargo atual para interferir na política interna de Varsóvia com o objetivo de derrubar o governo do partido conservador Lei e Justiça (PiS).

Mas a carta teve pouco efeito nas capitais europeias. De acordo com várias fontes diplomáticas, ouvidas em Bruxelas, existe uma maioria qualificada de países capaz de garantir a reeleição de Donald Tusk. Entre eles estarão França, Alemanha e Espanha. O primeiro-ministro português, António Costa, também já fez saber que não tem nada contra a recondução do atual Presidente.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)