Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

O bom, o mau e o outro

AMIGOS. O produtor Greg Nicotero e um dos muitos mortos-vivos da série “Walking Dead”

FOTO FOX NETWORKS GROUP PORTUGAL

Dois protagonistas de “The Walking Dead” e um dos produtores estiveram em Lisboa no âmbito duma digressão europeia e falaram ao Expresso sobre a série, os seus segredos e o seu futuro

Durante as cinco primeiras temporadas da série de TV “The Walking Dead” assistimos à luta entre os sobreviventes do apocalipse zombie e hordas de mortos-vivos. Na temporada passada, com a entrada em cena de um mauzão chamado Negan e do seu bando, Os Salvadores, o enredo passou a girar mais na luta entre diferentes grupos de pessoas.

Agora, com a 7ª temporada em pleno, desenha-se a grande luta entre as cidades livres e o tirano que as oprime. Terá a inspiração dos argumentistas da popular série entrado em crise? Estarão a ser vítimas do seu sucesso, como John Carpenter, cujos melhores filmes são os de mais baixo orçamento como “Vampiros”?

Foi esta a questão posta a Greg Nicotero, um dos produtores, de passagem por Lisboa. Para ele, não há crise à vista.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)