Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Bruxelas quer mecanismo de rendimento mínimo garantido em todos os países do euro

getty

Medida também prevê um mecanismo de salário mínimo. Juncker quer reforçar os direitos sociais europeus para combater o populismo. Proposta está prevista para março

O objetivo não é criar um salário mínimo igual para todos os países da União Europeia, mas introduzir um mecanismo que garanta que cada país tenha um salário mínimo decente e adaptado ao custo real de vida. O presidente da Comissão Europeia voltou, esta segunda-feira, a defender a criação deste tipo de mecanismos e garante que não está a pôr em causa a competitividade entre empresas e países.

“Se todas as empresas tiverem de respeitar o mesmo nível de salário mínimo, estaremos a travar o dumping social”, disse esta segunda-feira tarde, no encerramento da conferência sobre o pilar dos direitos sociais que decorreu na capital belga. Para Jean-Claude Juncker, é também importante que haja também um rendimento mínimo garantido.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)