Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

À mesa com a família Pantagruel

ESTÁ BOM? Bertha Limpo, que escreveu “O livro de Pantagruel”, com um amigo

FOTO CORTESIA DA FAMÍLIA

No Natal estão nas mesas de muitas famílias portuguesas, não como convidados, mas como inspiração para pratos principais e sobremesas. A família da autora do mais famoso livro de receitas português conta como tem celebrado as festas ao longo dos tempos. Este artigo foi publicado originalmente na Revista do Expresso de 8 de dezembro de 2012

A experiência da boa mesa começa no prazer de bem receber, de estar junto. E não há forma mais generosa de partilhar do que a da cozinheira que se dá por inteiro na receita do petisco desejado e não guarda segredos. Foi com base nesta forma de estar que a família Limpo Caetano se tornou parte de muitas casas portuguesas.

Pelo apelido, poucos os conhecem,mas se falamos de “O Livro de Pantagruel”, com 75 edições, os olhos brilham e todos percebem do que se fala. E para preparar a Consoada será naquela obra que muitos portugueses vão, mais uma vez, buscar orientações para uma ceia mais saborosa.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)