Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Chegou e convenceu: o Mario é mesmo super

É a loucura do momento para os iPhones: depois do fenómeno Pokémon Go, a Nintendo volta às bocas do mundo graças à chegada do canalizador mais conhecido do mundo ao smartphone da Apple. Uma demonstração que a mítica marca de jogos japonesa pode ser o próximo gigante das apps numa altura em que também prepara um ataque à PlayStation e à Xbox

Chegou e convenceu! Super Mario Run é o mais recente jogo da Nintendo e é também o primeiro verdadeiro jogo da empresa para smartphones e tablets. Isto porque, ao contrário do que muita gente acredita, Pokémon Go não foi editado ou programado pela empresa japonesa. Mas o simples facto de a Nintendo deter um terço da Pokémon Company foi suficiente para fazer disparar as ações da Nintendo, que chegaram aumentar 50% nos dias após o lançamento da app que levou os jogadores para a rua para capturar seres míticos virtuais que se passeavam no mundo real.

Os investidores acreditaram que o sucesso de Pokémon Go era um sinal que a anunciada chegada da Nintendo às lojas de apps para smartphones e tablets iria revelar-se um sucesso. A aposta parece ter sido ganha, já que bastou um dia para Super Mario Run ir diretamente para o topo da lista das aplicações mais populares da App Store, a loja de aplicações para iPhone e iPad.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)