Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Como viver num mundo Trump (13 pontos sem querer dar azar)

Trump. Há muitas incógnitas em torno das promessas do novo presidente

Como será a relação com o mundo da “América grande outra vez”? A resposta é esparsa, mas há pistas para os possíveis impactos nas relações com as demais regiões, na economia e nas comunidades

À sensação de que não só a América mudou - mas também o mundo mudou, não se segue a resposta clara sobre o como. Porque a campanha de Trump foi pouco clara em relação a muitos assuntos.

Os economistas realçam o protecionismo, a incerteza e a ameaça de uma nova recessão global. Os observadores externos falam de um isolacionista que gosta de Putin.

A campanha de Trump foi pouco elucidativa em matéria de política externa. Mas havia muito mais continuidade quando o poder passou de Bush para Clinton, ou do filho do primeiro para Obama, do que agora. Como escrevia hoje o correspondente do diário francês “Le Monde” em Washington, estamos perante um salto no escuro.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)