Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Vamos certamente pedir a António Guterres mais do que os seus poderes permitem

  • 333

João Vale de Almeida é embaixador da União Europeia junto das Nações Unidas. Depoimento a título pessoal

João Vale de Almeida

epa

Para o Embaixador da União Europeia nas Nações Unidas, a nomeação de António Guterres como secretário-geral é um momento de grande satisfação profissional. Pela primeira vez na história desta organização, o lugar será ocupado por um cidadão de um Estado-Membro da UE – facto de enorme relevância para o papel da Europa na ONU e no Mundo.

Ter um Europeu no topo das Nações Unidas era aquilo que mais poderia desejar quando há um ano iniciei funções aqui em Nova Iorque.

Para um cidadão português que dedicou a sua vida profissional ao projeto europeu, trata-se também de um momento de particular orgulho.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)

  • O homem que sabia demais

    “António Guterres é o político mais dotado que Portugal viu no pós-25 de Abril. Não é o melhor, nem o mais apaixonante, nem o que mais mudou Portugal. Não é o mais amado nem o mais odiado, não é o mais ideológico nem o mais técnico, não é o mais à esquerda, nem o mais à direita, nem o mais ao centro. Mas...” Ricardo Costa explica e desvenda o homem que representa a maior vitória de sempre da diplomacia portuguesa: António Guterres foi aclamado secretário-geral da ONU