Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

É desta que nos vamos preocupar?

  • 333

FOTO EPA /ALEPPO MEDIA CENTER

Um vídeo divulgado por uma organização síria mostra uma criança com pernas, braços e rosto ensanguentados, sentada numa cadeira numa ambulância. Sobreviveu a um ataque aéreo em Alepo, cidade cujo rumo poderá vir a decidir o futuro da Síria.

Helena Bento

Jornalista

Um menino sentado numa cadeira numa ambulância. Tem o rosto ensanguentado, sangue nos braços e sangue nas pernas também. Tem o cabelo coberto de pó, o rosto e o corpo cobertos de pó também. Parece confuso, atordoado. O vídeo foi divulgado esta quinta-feira pelo Alepo Media Center e publicado pelos meios de comunicação social internacionais.

Embora seja cedo para afirmá-lo, esta imagem de Omran Daqneesh, o rapaz de cinco anos que foi socorrido por uma equipa de médicos depois de o edifício em que encontrava, no bairro de Qaterji, na província de Alepo (Síria), ter sido destruído durante um ataque aéreo, pode vir a tornar-se o símbolo da guerra na Síria.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)