Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

“Nada de pânico”, pede MNE aos portugueses no Reino Unido

  • 333

alberto frias

Nada de pânico e cabeça fria são as recomendações do ministro dos Negócios Estrangeiros aos portugueses que vivem no Reino Unido

Helena Pereira

Helena Pereira

Editora de Política

Luísa Meireles

Luísa Meireles

Redatora Principal

Uma semana depois do referendo que ditou o Brexit, Santos Silva afirma que “os portugueses não têm que se inquietar porque nada mudou” desde o dia 23 de junho.

Numa entrevista ao Expresso que será publicada na íntegra na edição deste sábado do jornal, o ministro diz que de um ponto de vista mais imediato, e “até sair da União Europeia, o Reino Unido mantém todas as responsabilidades e deveres inerentes às de um Estado-membro e, portanto, a liberdade de circulação dos trabalhadores é um direito e um dever”.

Por outro lado, afirma, a negociação da saída terá como um dos pontos essenciais a circulação dos trabalhadores, na qual todos têm interesse, incluindo o Reino Unido, pelo que “saberemos encontrar uma solução positiva para todos”. Para o ministro, não há nenhum problema que não seja resolúvel ao nível bilateral, onde – destaca – tudo será feito para “salvaguardar os interesses recíprocos e convergentes”.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)