Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Crónica de um padre na grande missa do rock’n’roll

  • 333

rita carmo/blitz

Fã assumido de Bruce Springsteen, o padre José Tolentino Mendonça foi ao Parque da Bela Vista vê-lo e ouvi-lo. Eis, na primeira pessoa, o seu relato de como vibrou e viu vibrar mais 67 mil pessoas que foram em romaria ver “The Boss”

Houve um momento em que Bruce Springsteen pegou na velha canção feita a meias com Patti Smith, “Because the Night”, e explicou aos milhares que acorreram ao relvado do parque da Bela Vista a quem é que a noite pertence. Explicou com a força de quem arrisca um manifesto e com a intimidade de quem soletra, entre iguais, uma confidência.

Virava-se para um lado e para outro da multidão e esperava que fossemos nós a dizer, sucessivamente “Because the night belongs…”, “Because the night belongs…”, até cantarmos juntos que a noite nos pertence. O que é verdade e não é. E simplesmente por isto: a noite pertence a Bruce Springsteen. E o concerto desta quinta-feira pode bem ser contado como essa poderosa revelação.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)