Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Lojas históricas: CDS ao lado do PS, PSD contra

  • 333

STAND BY. Homem suspenso, lei das rendas também

LUÍS BARRA

CDS concorda em defender lojas com interesse para o turismo. PSD diz que se trata de “um golpe grande” na reforma da lei das rendas

Helena Pereira

Helena Pereira

Editora de Política

O CDS acompanha o PS na alteração à lei das rendas de forma a proteger as lojas históricas e vai a votar esta sexta-feira a favor da proposta socialista, mas o PSD considera que se trata de “um golpe grande” na reforma da lei das rendas feita pelo seu Governo por considerar que se abrirá a porta à discricionariedade sobre o que são lojas históricas.

“Alargar às lojas históricas pode significar um golpe grande da reforma. Deixar ao critério dos municípios é abrir uma porta à classificação com critérios subjetivos e diferenciados de município para município. Não vemos por isso razão para estar a introduzir alterações numa reforma cuja avaliação pela comissão de avaliação tem sido positiva”, afirma ao Expresso Diário a vice-presidente do grupo parlamentar do PSD Berta Cabral.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso)