Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Banco de Portugal exige garantias para entregar relatório aos deputados

  • 333

INQUÉRITO. Venda do Banif leva ao Parlamento antigos gestores e governantes

tiago miranda

Comissão de inquérito do Banif pediu ao Banco de Portugal o relatório de supervisão do BES. Mas a CPI terá de garantir que o supervisor não incorre em nenhuma ilegalidade ao ceder o documento

A comissão parlamentar de inquérito (CPI) do Banif arranca esta terça-feira com as audições a antigos administradores do banco e pode vir a contar com um documento crucial sobre a supervisão do sector. O Banco de Portugal está disponível para entregar aos deputados o relatório da supervisão do Banco Espírito Santo (BES), desde que a CPI garanta que ao fazê-lo o Banco de Portugal não estará a cometer nenhuma ilegalidade, nomeadamente a de violação do sigilo profissional.

O presidente da CPI, o deputado comunista António Filipe, revelou ao Expresso que esse tema será objeto de uma consulta aos grupos parlamentares já esta terça-feira, no sentido de avaliar, por um lado, a pertinência do relatório da supervisão do BES para o inquérito sobre o Banif e, por outro lado, assegurar que a consulta do documento não acarreta qualquer risco de violação do segredo profissional imposto ao Banco de Portugal.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI