Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

TAP: “Manter uma base relevante de operações no Porto é um objetivo estratégico”

  • 333

Luís Barra

A “guerra séria” entre a TAP e a Câmara do Porto está para durar, conforme prometido por Rui Moreira. Em declarações ao Expresso, em entrevista a publicar este sábado, António Costa toma posição

“Um dos objetivos estratégicos, como é óbvio, é manter uma base relevante de operações no Porto e a partir do Porto assegurar que, além do hub de Lisboa, teremos uma internacionalização crescente da cidade do Porto. E isso passa também pelas ligações aéreas do Porto para o resto do mundo e à Europa em particular”, diz o primeiro-ministro, António Costa, ao Expresso.

Na terça-feira, a Câmara do Porto acusou a TAP de ter decidido “discretamente” descontinuar o voo noturno entre Lisboa e Porto, que servia de ligação para os passageiros que vinham de voos de médio curso a partir da Europa. “Este voo, operado pela própria TAP, com aviões Airbus A319 e A320, tinha lugar às 22h35 e viajava sistematicamente lotado”, sublinhou a autarquia.

O presidente da Câmara, Rui Moreira, tem criticado a estratégia da TAP para a cidade, nomeadamente a ligação Vigo-Lisboa, por considerar que a mesma vai “drenar o tráfego da Galiza e retirar passageiros” ao aeroporto Francisco Sá Carneiro.

Questionado sobre este tema na entrevista que o Expresso publica este sábado, António Costa adianta ainda: “Não gosto de discutir em público coisas que devem ser devidamente negociadas com tranquilidade para poderem ser resolvidas”.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI