Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Pânico domina mercados financeiros no início do novo ano

  • 333

reuters

As duas bolsas chinesas entraram em derrocada pela segunda vez na mesma semana. Sessão desta quinta-feira foi interrompida pouco depois de começar. Algo inédito em 25 anos

As duas bolsas chinesas voltaram a entrar em derrocada pela segunda vez esta semana. A sessão desta quinta-feira acabou por ser encerrada menos de meia hora depois de ter começado, o que nunca tinha acontecido em 25 anos de história destes mercados financeiros criados com as reformas económicas de Deng Xiaoping.

Um mecanismo automático estreado este ano suspende a negociação em bolsa se o índice de referência para as trezentas principais cotadas nas bolsas de Xangai e Shenzhen cai 5% e encerra a sessão se ultrapassa a linha vermelha de 7%. Isso sucedeu na segunda-feira e, de novo, esta quinta-feira, muito precocemente. Os analistas financeiros chineses estão a criticar duramente nas redes sociais as linhas vermelhas deste mecanismo.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI