Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

“Sou mais uma voz do sentir do povo, da raiz da terra”

  • 333

CANTAUORA. Estrella Morente estará amanhã em Lisboa

ALBERT GEA/REUTERS

Estrella Morente, a voz do flamenco contemporâneo, vem a lisboa acompanhada pelo pianista Javier Perianes. O concerto é amanhã e vão cantar Lorca e Falla

É uma das mais importantes cantaoras da atualidade e leva o flamenco no sangue. Estrella Morente, filha da bailaora Aurora Carbonell e do maestro Enrique Morente, veio ao mundo em Granada, em 1980, e desde muito cedo que pisa as palcos de Espanha e do mundo. Começou aos sete anos, nunca mais parou. E a sua discografia já soma quatro álbuns.

São, todos eles, retratos de uma artista inconformada e sólida, cuja voz única se tornou na sua assinatura. Amanhã às 21h, Lisboa poderá apreciá-la. Ao vivo, na Gulbenkian, ao lado do pianista Javier Perianes, a interpretar um repertório eminentemente espanhol: Lorca e Falla. Sobre ambos Estrella Morente falou, via mail, ao Expresso.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI