Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Duas noites entre a ópera e canções pop

  • 333

reuters

Amanhã e sábado o canadiano Rufus Wainwright regressa a Lisboa, desta vez para se apresentar no palco do Grande Auditório da Gulbenkian. A sua ópera "Prima Donna" integra um programa que não se fecha contudo nesta sua nova experiência, como ele mesmo contou em conversa com o Expresso

Depois de 17 anos de carreira entre a música pop, com sete álbuns gravados em estúdio e três discos ao vivo, Rufus Wainwright acaba de lançar, pela Deustche Grammophon, uma gravação da sua ópera “Prima Donna”, estreada durante o Manchester International Festival, em 2009.

A história desta ideia começou há uns anos, quando Rufus “estava a ver umas entrevistas com Maria Callas, feitas por Lord Harwood” e então imaginou “uma ópera sobre um dia na vida de uma personagem como esta”. Pensou nas personagens e sobre “que tipo de abordagem musical e filosófica poderia fazer”.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI