Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Vamos governar ao centro (mas não digam a ninguém)

  • 333

Reuniões António Costa em Belém há cerca de um mês. As conversas à porta fechada sucedem-se

PS tem garantido em reuniões à porta fechada com agentes económicos que governará ao centro e sem radicalismos de esquerda. Acordos com PCP e BE servem para viabilizar o governo, mas não comprometem o PS para o futuro

O Partido Socialista tem-se desdobrado em contactos, formais e informais, garantindo a agentes económicos que governará “ao centro” e que não será condicionado pelo PCP e pelo Bloco de Esquerda além das matérias já acordadas.

Depois da reunião à porta fechada de António Costa com os maiores banqueiros do país, e dos telefonemas de Mário Centeno para agências de “rating” e bancos de investimento internacionais, também as grandes empresas já receberam “mensagens” nesse sentido da parte do PS.

O objetivo será contrariar os receios de radicalização do PS à esquerda, tranquilizando os investidores no país, sejam financeiros, sejam produtivos.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI