Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Por cada leão que vier, outro seguir-se-á

  • 333

NOITE DE GALA. Se os adeptos do Benfica voltarem a portar-se mal, será assim que o Estádio da Luz ficará no futuro - vazio, à porta fechada

getty

O Benfica joga contra o leão de Istambul dias antes de encontrar o leão de Alvalade. Hoje, às 19h45 (Sport TV1), o Galatasaray joga a sobrevivência na Champions

Porque a mascote do Galatasaray é um leão, a piada é fácil inevitável e nem sequer é nossa mas de quem a apanhou primeiro: “Um leão de cada vez”, escreveu o Record; “Primeiro os leões de Istambul, depois os leões de Portugal”, titulou A Bola. Nós apenas a adaptamos no título deste artigo.

O contexto para a punch line foi de Rui Vitória, que disse que nenhum dos seus jogadores, Deus os livrasse disso, estava a pensar no dérbi de domingo, mas sim no jogo de hoje (Sport TV1, 19h45), com o Galatasaray. O discurso é polido e correto, só que entre os ombros existe uma coisa que se chama cabeça e a cabeça, vá se lá saber porquê, faz escolhas - e entre a Champions, que está bem encaminhada (6 pontos, faltando receber os turcos, o Atlético de Madrid e uma viagem ao Cazaquistão), e o dérbi com o Sporting (o Benfica pode ficar a oito pontos, com menos um jogo disputado), a opção é óbvia.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI