Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Não pense que vai ser fácil levar um Dürer para casa

  • 333

ARTE NA RUA.“Conde de Farrobo” e “Família do 1º Visconde de Santarém”, de Domingos António Sequeira, no Largo do Picadeiro

A arte está nas ruas de Lisboa. Literalmente. 31 obras do Museu Nacional de Arte Antiga desceram ao Chiado, Bairro Alto e Príncipe Real

Miguel Cadete

Miguel Cadete

Texto

Diretor-Adjunto

Alberto Frias

Foto

Fotojornalista

Era meio dia quando foi oficialmente inaugurada, esta terça-feira, a exposição ComingOut. Mas as 31 obras do Museu Nacional de Arte Antiga que invadiram as ruas do Chiado, Bairo Alto e Príncipe Real, em Lisboa, já estavam penduradas nas fachadas dos edifícios desde as duas da manhã. Desde essa hora que o “São Jerónimo” de Dürer, a “Senhora das Dores” de Metsys, “Salomé” de Lucas Cranach, “São Vicente” de Nuno Gonçalves, o “Conde de Farrobo” de Domingos António de Sequeira ou o “Santo Agostinho” de Piero della Francesca estão à mercê de cada um que passa, expostos nas ruas e vielas daqueles bairros. Mas tenha calma, tenha muita calma.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI