Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Sócrates e Salgado podem votar de forma inédita

  • 333

DETIDO. Na passada sexta-feira, Sócrates deixou a prisão de Évora e aguarda acusação numa casa no centro de Lisboa, vigiada pela polícia

JOÃO RELVAS/LUSA

Não há registo de nenhum eleitor ter ido às urnas com escolta policial, o que terá de acontecer caso o ex-primeiro-ministro e o antigo presidente do BES manifestem intenção de ir votar. Só que a lei impede a presença de agentes armados nas imediações das assembleias de voto

Independentemente do resultado, as próximas legislativas poderão ficar para a história. Se José Sócrates e Ricardo Salgado quiserem votar, terão de fazê-lo com escolta policial, o que nunca aconteceu numas eleições em Portugal. É que estes são também os únicos dois casos de prisão domiciliária sem pulseira eletrónica, o que obrigará a medidas inéditas de segurança na deslocação até às urnas. O aparato mediático promete ser grande.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI