Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

A jogador dado tem de se olhar o dente (e os joelhos)

  • 333

BAGAGEM Kevin-Prince Boateng deixou o Schalke 04 (ou melhor, o Schalke é que o deixou) e chegou ao aeroporto de Lisboa carregado de malas. Mas o que preocupa é a bagagem clínica

FOTO INA FASSBENDER/REUTERS

Quando o craque entusiasma, o médico desconfia: Boateng já está em Lisboa mas ainda não assinou pelo Sporting porque há dúvidas sobre a sua condição física. “O nosso trabalho é garantir que os jogadores estão a 100% quando assinam”, diz um médico ao Expresso. Até a dentição serve para cancelar negócios

Aqui vai uma história para reconfortar (ou não...) os sportinguistas preocupados com o vem-não-vem de Kevin-Prince Boateng para Alvalade. No verão de 2007, o Sporting tinha tudo pronto para assinar com Derlei, então jogador livre depois de ter rescindido com o Dínamo de Moscovo. Só que, como o avançado já tinha sido operado ao joelho direito no FC Porto, a entrada em Alvalade demorou mais do que o habitual: Artur Pereira de Castro, ortopedista do clube entre 2000 e 2011, mandou congelar a assinatura enquanto se faziam exames complementares para determinar o estado do jogador. Apesar do historial duvidoso, estava tudo estável: o médico deu o ok... e Derlei lá assinou (a bem da verdade, convém dizer que se lesionou alguns meses depois, mas no outro joelho).

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI