Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

A zona euro a navegar em “águas desconhecidas”

  • 333

reuters

Mesmo sem extensão do programa de resgate, os líderes europeus poderão ter de esperar pelo resultado do referendo. Juncker diz que um “não” significa “que a Grécia diz não à Europa”. O “sim” poderá levar a terceiro resgate, resta saber em que condições e com que governo

O momento é inédito na história da União Europeia e da moeda única. A falta de acordo entre as autoridades gregas e os restantes países da zona euro leva a Grécia a sair do programa de assistência sem receber o cheque dos credores, sem capacidade para financiar-se sozinha nos mercados e num ambiente de troca de acusações e discursos exacerbados. O resgate termina esta terça-feira e mesmo que a Comissão Europeia diga que as portas se mantêm abertas não há, da parte do governo grego, qualquer sinal de que vá regressar à mesa das negociações nas próximas 24 horas.


Para continuar a ler o artigo, clique AQUI