Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Atentados em três continentes matam dezenas

  • 333

reuters

França, Kuwait e Tunísia foram palco de atos assassinos de jiadistas. Em dois dos casos, o Estado Islâmico reivindica a autoria dos ataques

Ataques terroristas em três continentes deixaram um rasto de dezenas de vítimas na manhã desta sexta-feira, dia da semana que é santo para os islâmicos e, por isso mesmo, frequentemente escolhido pelos extremistas para perpetrar atos de barbaridade. Hoje os palcos da matança foram uma fábrica perto de Lyon, em França; um hotel balnear em Sousse, segunda maior cidade da Tunísia; e uma mesquita na capital do Kuwait. Nos casos francês e kuwaitiano, houve reivindicações por parte do autodenominado Estado Islâmico (Daesh). A 29 de junho assinala-se um ano da proclamação do califado por este grupo radical.


Para continuar a ler o artigo, clique AQUI