Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Hélder Bataglia, o homem da Escom e do GES em Angola

  • 333

NEGÓCIOS Hélder Bataglia tem estado sob suspeita e investigação do Ministério por causa da Escom (submarinos), a Akoya e agora Vale do Lobo

Jose Carlos Carvalho

O empresário luso-angolano parceiro do grupo Espírito Santo na Escom está debaixo do fogo por causa de Vale do Lobo e das novas suspeitas sobre o pagamento de luvas a José Sócrates. Foi ele que convenceu Salgado a abrir o BESA em Angola e que fez da Escom o principal instrumento dos negócios do GES em Luanda

Hélder Bataglia, 68 anos, é um homem poderoso em Angola, mas só ganhou visibilidade em Portugal quando a Escom, a empresa de que é presidente, começou a aparecer nas notícias em 2004 como assessora do consórcio alemão vencedor da venda dos submarinos pelo ministério da Defesa português, operação que ficou sob investigação. 

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI