Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Contágio grego provoca subida dos juros da dívida na zona euro

DIFICULDADES. Varoufakis, ministro grego das Finanças, tem hoje mais uma prova difícil em Bruxelas

Epa

Apesar do ministro das Finanças helénico confirmar que o cheque de €750 milhões seguirá amanhã para o FMI, o “contágio grego” regressou esta segunda-feira ao mercado secundário da dívida soberana. Incerteza sobre desfecho de negociações permanece.

O ministro das Finanças grego Yanis Varoufakis confirmou esta segunda-feira que o cheque de 750 milhões de euros seguirá amanhã para o Fundo Monetário Internacional (FMI), depois de, na semana passada, o Tesouro helénico ter enviado um cheque para Washington DC de 200 milhões de euros relativos a juros dos empréstimos do Fundo ao abrigo do plano de resgate. 

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI 
(O Expresso Diário é de acesso gratuito até dia 15 de maio)