Siga-nos

Perfil

Expresso

Dossiês

Todos de acordo. Portugal e Índia querem “sonhar em grande”

Cartaz em Bangalore a anunciar a presença do primeiro-ministro português

helena pereira

O exemplo é Vasco da Gama. Os seus seguidores, dois países díspares que querem crescer e que prometem dar as mãos. Em Bangalore, o Silicon Valley da Índia, Costa anunciou um “startup visa” para jovens empreendedores

Helena Pereira

Helena Pereira

texto e fotos, em Bangalore, Índia

Editora de Política

Jornalista, historiador, muçulmano e no cargo de secretário de Estado dos Assuntos Externos da Índia há apenas seis meses. Era este homem, Mobashar Jawed Akbar, a evocar Vasco da Gama com entusiasmo que António Costa ouvia deleitado. Responsável também pela área das novas tecnologias, explicava como era bom seguir o exemplo do navegador português.

“Quando sonharem, sonhem em grande”, pedia à assistência, quase todos jovens, uns estudantes, outros com startups e talvez todos com muitas ideias. “Vocês também sonharam em grande há 500 anos”, acrescentava, desta vez a olhar para Costa sentado perto dele no palco. “Vasco da Gama não sabia onde ia terminar mas sabia que era importante começar e nós estamos num momento de uma nova exploração.”

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)